Overblog
Edit post Seguir este blog Administration + Create my blog

Portal da Damba e da História do Kongo

Portal da Damba e da História do Kongo

Página de informação geral do Município da Damba e da história do Kongo


Dissengomoka Alexandre exorta estudantes a investigar sobre África.

Publicado por Nkemo Sabay activado 30 Mayo 2011, 14:25pm

Etiquetas: #Notícias do Uíge

 

O presidente da Fundação Dissengomoka, Dissengomoka Sebastião Alexandre, exortou domingo no município de Maquela do Zombo, 293 quilómetros ao norte da sede capital da província, os estudantes da região e não só, a aprofundar investigações com vista a contribuir para a solução dos problemas que atravessa o continente Africano.


O docente Universitário que falava à margem da excursão realizada de 27 a 29 de Maio corrente naquela localidade em prol do dia da África, pediu a juventude a aprofundar os métodos de investigação científica aplicada em vários domínios para o desenvolvimento de África.

 

Fotos-da-Provincia-do-Uige 1895

Uma escola em construção em Maquela do Zombo.

 

Dissengomoka Alexandre afirmou que a juventude deve usar cada vez mais as suas faculdades académicas e científicas, no sentido de trabalhar na identificação dos problemas que afligem o povo africano e propor as suas possíveis soluções, adiantando que a situação de género, exige um espírito de sacrifício e abnegação de todos.


O patrono da Fundação lembrou que a África é um continente potencial em recursos naturais que necessitam de competências dos próprios africanos para a sua efectiva exploração.

 
Apelou também aos jovens e à sociedade em geral, na necessidade de se absterem de práticas negativas que colocam em causa o desenvolvimento da sociedade, e primar pelo espírito patriótico, unidade, solidariedade e amor ao próximo, visando o bem comum.

 
O administrador municipal adjunto de Maquela do Zombo, João Mazenzele, ao agradecer o gesto, pediu à Fundação Dissengomoka, a continuar a promover eventos de género, que visam despertar a juventude para a mudança de comportamento.

 
O responsável apelou aos professores, estudantes, autoridades tradicionais e outras bibliotecas vivas, a se empenharem cada vez mais, na recolha e divulgação de matérias que visam o enriquecimento da história africana.

 
"Ficamos satisfeitos pela escolha do nosso município para juntos relebrarmos o Dia de África, porque o gesto vai facilitar o entendimento dos estudantes sobre matérias ligadas à especialidade de história", referiu.

 

Durante os três dias de permanência em Maquela do Zombo, os excursionistas partilharam várias experiências nos domínios educativos, culturais e recreativos com os demais jovens da sede do município de Maquela do Zombo, comuna de Kibokolo, sede da província do Uíge e outros provenientes de vários pontos do país.

 

                                                                                                                          Angop

Archivos

Ultimos Posts