Overblog
Edit post Seguir este blog Administration + Create my blog

Portal da Damba e da História do Kongo

Portal da Damba e da História do Kongo

Página de informação geral do Município da Damba e da história do Kongo


BPC anunciou a abertura de uma agência bancária na Damba.

Publicado por Muana Damba activado 27 Septiembre 2011, 12:46pm

Etiquetas: #Notícias da Damba

Por António Capitão

O Banco de Poupança e Crédito (BPC) assinou um acordo importante na cidade do Uíge com o BNA para garantir a liquidez

 

Fotografia: JA


O Banco Nacional de Angola (BNA) e o Banco de Poupança e Crédito (BPC) assinaram, na sexta-feira, na cidade do Uíge, um acordo que permitir melhorar o funcionamento das instituições bancárias e regular a política monetária na província.


O acordo, assinado pelo administrador do Banco Nacional, António Ramos da Cruz, e pelo presidente do Conselho de Administração do BPC, Paixão Júnior, tem o objectivo de atribuir ao BPC, no Uige, a função de custódia de valores monetários, garantindo maior capacidade e disponibilidades do "papel-moeda" nas instituições financeiras da província.


O administrador do BNA disse que o convénio pretende fundamentalmente garantir reservas monetárias na província, que permitam potenciar os bancos comerciais quando estes estiverem em situação de falta ou baixa disponibilidade de cédulas monetárias.


"A partir de agora é o BPC que vai coordenar a custódia dos valores que vão passar a garantir o normal funcionamento dos outros bancos comerciais porque, devido as atribuições do BNA, de coordenador das políticas monetárias do país, não podemos ainda estar representados em todas as províncias", declarou António Cruz, acrescentando: "Com este acordo, o Banco de Poupança e Crédito vai passar a desempenhar esta função, que era apenas exercida pelo Banco Nacional de Angola".


O acordo, referiu, reveste-se de grande importância para as duas instituições financeiras e para a província do Uige, em particular, tendo em conta que vai contribuir para a solução de vários problemas financeiros que a região vive, como os atrasos nos pagamentos aos serviços públicos, aos funcionários e a outros devido à falta de dinheiros nas agências bancárias.


O governador da província, que assistiu à cerimónia, salientou a importância que o entendimento entre o BNA e o BPC representa para o Uíge. Paulo Pombolo disse que o acordo vai contribuir para o desenvolvimento socioeconómico da província.


Entretanto, o gerente do Banco Sol, Fernando Maza, valorizou o protocolo de entendimento entre o BNA e o BPC, porque vai permitir que todas as agências bancárias da província tenham dinheiro suficiente para atenderem os seus clientes e, ao mesmo tempo, reduzir as enchentes nos bancos e as longas filas nos multicaixas.

O gestor do Banco Sol acrescentou que, a partir desta data os clientes diferentes instituições bancárias representadas na província vão poder dar cumprimento aos seus planos e programações financeiras, tendo em conta que vão poder levantar grandes quantidades monetárias em qualquer agência, no momento em que necessitarem.


Por seu turno, a gerente do Banco Africano de Investimento, Maria Emília, sublinhou que "o BAI tem sido, algumas vezes, a bóia de salvação do BPC, quando este está com dificuldades de cédulas, tendo em conta que o Banco de Poupança e Crédito efectua mais pagamentos e pouca canalização de depósitos, então, normalmente, fica sem capacidade para atender as solicitações dos seus clientes". 


Na ocasião, o presidente do Conselho de Administração do BPC anunciou a abertura de mais agências bancárias nos municípios do Songo e Damba. Paixão Júnior disse que a construção de novas dependências se enquadra no programa de expansão e melhoria da prestação de serviços da instituição aos clientes do interior.

 

 

                                                                                                             J.A


 

 

 

 

Archivos

Ultimos Posts