Overblog
Edit post Seguir este blog Administration + Create my blog

Portal da Damba e da História do Kongo

Portal da Damba e da História do Kongo

Página de informação geral do Município da Damba e da história do Kongo


Bispo do Uíge exorta fiéis à humildade.

Publicado por Nkemo Sabay activado 12 Julio 2010, 11:07am

Etiquetas: #Religião

                                                              angola_bambini.jpg
                                                              Um sacerdote com crianças angolanas.
O bispo da diocese do Uíge, dom Emílio Sumbelelo, exortou domingo, na igreja da Sé Catedral, aos membros da Comunidade de Jesus de Renovamento Carismático, a servirem o próximo com humildade, a exemplo de Jesus Cristo que é modelo perfeito dos cristãos.
 
Dom Emílio Sumbelelo fez a exortação durante uma homilia na missa solene de reconhecimento da referida comunidade, na diocese do Uíge, que contou com a presença do seu presidente e fundador, Matteo Calisi, de nacionalidade italiana, que se deslocou ao Uíge para o mesmo propósito.
 
Segundo o prelado, os membros da comunidade carismática ao serviço do próximo devem manifestar, acima de tudo, um sentimento de compaixão.
 
O próximo, explicou o bispo, é toda aquela pessoa feita à imagem e semelhança de Deus, sem no entanto, importar a sua condição e origem.
 
"O nosso próximo é todo o homem, mulher, jovem ou criança que precisa do nosso apoio, ajuda e cuidado", adiantou, acrescentando que "ser bom samaritano é ter sentimento de compaixão pelos outros", concluiu o bispo do Uíge.
 
Ao intervir na missa, o fundador e presidente da Comunidade de Jesus do Renovamento Carismático, Matteo Calisi, agradeceu o empenho e dedicação do bispo da diocese do Uíge, ao aceitar e reconhecer a comunidade na região e prometeu obediência e fidelidade às orientações do prelado.
 
A coordenadora da região norte da Comunidade de Jesus do Renovamento Carismático, Glária José, assegurou o compromisso dos membros no empenho e dedicação ao trabalho do movimento, não obstante às limitações humanas.
 
Participaram do evento cerca de mil membros das comunidades de Benguela, Malanje, Caxito, Luanda, Uíge, Kimblele e Negage.
                                                                                       

                                                                                              Angop

Archivos

Ultimos Posts