Overblog
Edit post Seguir este blog Administration + Create my blog

Portal da Damba e da História do Kongo

Portal da Damba e da História do Kongo

Página de informação geral do Município da Damba e da história do Kongo


Raul Kinanga é uma referência do futebol angolano

Publicado por Muana Damba activado 9 Marzo 2015, 16:27pm

Etiquetas: #Notícias do Uíge, #Fragmentos históricos do Uíge.

Raul Kinanga um treinador confirmado.

Raul Kinanga um treinador confirmado.

RAUL KINANGA: O craque do Kibocolo que treina os jovens

Raul Kinanga é uma referência do futebol angolano. Nasceu em Kibocolo, município de Maquela do Zombo, província do Uíge, a 12 de Setembro de 1956. Filho de Cardoso Cassiala e de Teresa Vambanu, em 1968, foi com a família para Kinshasa, República Democrática do Congo (RDC). É o quarto filho entre seis rapazes e uma única menina.

ítulo

Raul Kinanga é uma referência do futebol angolano. Nasceu em Kibocolo, município de Maquela do Zombo, província do Uíge, a 12 de Setembro de 1956. Filho de Cardoso Cassiala e de Teresa Vambanu, em 1968, foi com a família para Kinshasa, República Democrática do Congo (RDC). É o quarto filho entre seis rapazes e uma única menina.


“Em Kinshasa não estudávamos e éramos tratados como refugiados”, recorda Raul Kinanga. Aos 12 anos regressou a Maquela do Zombo e voltou a estudar na escola da Missão Evangélica do Kibocolo, onde o actual treinador de juniores do Inter Clube frequentou o primeiro nível.


Quando concluiu o ensino básico trocou Kibocolo pela capital da província do Uíge, para prosseguir os estudos e concluiu com êxito o ensino médio. Partiu então para Luanda com o intuito de estudar economia. Graças ao seu empenho e dedicação conseguiu matricular-se na Faculdade de Economia da Universidade Agostinho Neto (UAN) e estudou até ao segundo ano. Desistiu. Decidiu optar pelo futebol: “sempre conjuguei os estudos com o futebol”.


Kinanga mostrou ainda na infância que tinha habilidade para o futebol. Aos dez anos, jogava e fintava com mestria os adversários no Kibocolo.


Apesar de reconhecer não ter sido um jogador de fama internacional, destacou-se pelo seu estilo aguerrido e de liderança, muitas vezes sendo capitão das equipas por onde passou. “Não digo que fui craque”- afirma com modéstia o entrevistado. Na posição de médio defensivo Kinanga fazia furor e marcou muitos golos.


Estreou-se como jogador envergando a camisola do Juventude do Kibocolo. Depois transferiu-se para o Futebol Clube do Zombo, uma equipa de grande prestígio no cenário futebolístico de Maquela do Zombo.


Foi ali que Raul Kinanga chamou verdadeiramente atenção aos amantes do futebol no Uíge. Logo depois, foi chamado a integrar a selecção provincial do Uíge. Mostrava nos relvados um futebol vistoso com fintas e golos, perante adversários oriundos de Ndalatando, Negage e Cangola.

Craque do Inter.


Duro na marcação, não hesitava em tentar lançamentos para os companheiros da frente, nem em desferir potentes remates à baliza. Acabou por fazer carreira no Inter Clube em Luanda.


Integrou o primeiro grupo de atletas do Corpo de Polícia Popular de Angola que tinha jogadores como Cuca, Man Correia, Friança, Fernando da Piedade Dias dos Santos (Nandó), Santana Carlos, Piedade, Victor entre outros. Kinanga viveu momentos inolvidáveis como atleta no Inter Clube.


Do seu percurso futebolístico conta também uma breve passagem pelo Clube Desportivo 1º de Agosto. Por ter uma fisionomia franzina foi excluído. Desde então, nunca mais largou o Inter.


Ficou conhecido como o carrasco nos jogos contra o 1º de Agosto e Petro Atlético de Luanda. O nome de Raul Kinanga ficou internacionalmente conhecido. Começou a receber diversos convites de clubes estrangeiros mas o Inter recusou a sua cedência. Inconformado com esta e outras situações decidiu, em 1989, terminar bruscamente a carreira.


Hoje, aos 53 anos, Raul Kinanga, a par de Cuca, é considerado um dos maiores futebolistas que envergou a camisola do Inter. Dos troféus que conquistou contam uma Taça de Angola e uma SuperTaça.


Treinador de jovens.


Numa altura em que se encontrava a viver momentos angustiantes, fruto do final de carreira, a direcção do Inter decidiu convidá-lo para um curso de treinador.


Integraram o curso ex-jogadores como Ndunguidi, Maria, Vieira Dias, entre outros. Como treinador, estreou-se pela primeira vez à frente dos juvenis do Inter num jogo contra a Padaria Leão do Cazenga.
Em 1992, foi chamado a integrar a equipa técnica principal do Inter, como adjunto. Em 2004, ascende à categoria de treinador principal. Mas nem tudo é um mar de rosas na carreira de Raul Kinanga. Em 2009, foi treinar a Académica do Soyo.


Raul Kinanga levou o Académica do Soyo às competições africanas, um dos feitos de maior glória da história do clube. Durante esse período, surge a polémica rescisão contratual: “até me ficaram a dever os salários e prémios de jogos”.

Selecção de Luanda

Raul Kinanga guarda boas recordações desde a infância no Kibocolo até Luanda. Na carreira futebolística destaca a sua primeira integração na selecção de Luanda. “Foi ali, que tive a oportunidade de conhecer jogadores como Joaquim Dinis (Brinca n’Areia), João Machado, Napoleão, Alves, Geovetti entre outros. Foi bom para mim e levou-me a selecção de Angola, em 1979”.

Raul Kinanga Responde

De quanto é a divida?

Não gosto muito de mencionar o valor. Espero que a direcção do Académica do Soyo honre o acordado, mas é uma dívida grande. Há muito dinheiro em jogo, que não adianta mencionar.

Quem era o seu ídolo?


Sempre tive como ídolo Pelé. Sempre que entrava em campo tentava imitar os truques e as fintas de Pelé. A minha camisola teve sempre o número dez.


É casado?


Sim. Casado e pai de três filhos. Dos meus três filhos nenhum deles ainda mostrou dotes para o futebol. Penso que o meu caçula pode despontar para o futebol. Tem dado mostras de que pode ser um exímio atleta.

O que é ser bom futebolista?


Ter uma vida regrada e cumprir com o planeamento do treinador. Deve ser humilde, honesto e dedicado.

Via JA.

Artigo editado no dia 20 de Junho de 2010, sob o título: "Raul Kinanga: O craque do Kibocolo que treina os jovens"

Archivos

Ultimos Posts