Overblog
Edit post Seguir este blog Administration + Create my blog

Portal da Damba e da História do Kongo

Portal da Damba e da História do Kongo

Página de informação geral do Município da Damba e da história do Kongo


Inaugurada mediateca móvel no Uíge

Publicado por Muana Damba activado 10 Febrero 2015, 07:03am

Etiquetas: #Notícias do Uíge

O secretário de Estado para Ciência e Tecnologia, Pedro Sebastião Teta. Imagem Mediateca.co.ao

O secretário de Estado para Ciência e Tecnologia, Pedro Sebastião Teta. Imagem Mediateca.co.ao

Uíge - A população estudantil da província do Uíge ganhou hoje, nesta cidade, uma mediateca móvel, com capacidade para trinta utilizadores, inaugurada pelo secretário de Estado para Ciência e Tecnologia, Pedro Sebastião Teta.

A mediateca de proximidade tem como objectivo apoiar a camada estudantil na busca de informação, investigação, análise e execução de vários trabalhos.

Durante o acto de inauguração, o secretário de Estado para Ciência e Tecnologia, Pedro Sebastião Teta, disse que serviços do género têm como objectivo aproximar as populações e permitir a inclusão social e digital de todos os cidadãos na sociedade da informação e do conhecimento.

Como disse, a construção da mediateca é um projecto magno concebido pelo Governo angolano, com vista a enquadrar os jovens a nível da globalização científica, para que a visão dos mesmos possa ser enquadrada na senda dos países que já se encontram avançados em conhecimentos multifacetados.

Pedro Sebastião Teta deu a conhecer que o estabelecimento foi inaugurado num momento em que as obras de construção da mediateca definitiva ainda estão em curso no Instituto Superior de Ciências da Educação, (ISCED) do Uíge.

Para o governador da província de Uíge, Paulo Pombolo, a iniciativa do executivo angolano referente aos modelos integradores cientificamente electrónicos surgiram num momento salutar e que vão engrandecer o saber cada vez maior dos quadros investigadores da província.

Ao agradecer o pensamento intelectual do Presidente da República, José Eduardo dos Santos, afirmou que a melhor forma de conhecer a realidade de qualquer identidade inter-cultural de um determinado povo é conectar os jovens a uma rede info-inclusiva, com vista a sua formação como homens novos capazes de adaptar-se aos desafios do futuro.

A mediateca móvel contempla áreas de pesquisas electrónicas, bibliotecas físicas, espaço de lazer e outros.

Estiveram presentes no acto membros do governo e de diversos sectores, autoridades tradicionais, políticos, jovens, estudantes de vários níveis de ensino.

Após a inauguração, o governador visitou igualmente as obras de construção da futura mediateca definitiva e que vai albergar mais de duzentos internautas.

A mediateca de proximidade tem como objectivo apoiar a camada estudantil na busca de informação, investigação, análise e execução de vários trabalhos.

Durante o acto de inauguração, o secretário de Estado para Ciência e Tecnologia, Pedro Sebastião Teta, disse que serviços do género têm como objectivo aproximar as populações e permitir a inclusão social e digital de todos os cidadãos na sociedade da informação e do conhecimento.

Como disse, a construção da mediateca é um projecto magno concebido pelo Governo angolano, com vista a enquadrar os jovens a nível da globalização científica, para que a visão dos mesmos possa ser enquadrada na senda dos países que já se encontram avançados em conhecimentos multifacetados.

Pedro Sebastião Teta deu a conhecer que o estabelecimento foi inaugurado num momento em que as obras de construção da mediateca definitiva ainda estão em curso no Instituto Superior de Ciências da Educação, (ISCED) do Uíge.

Para o governador da província de Uíge, Paulo Pombolo, a iniciativa do executivo angolano referente aos modelos integradores cientificamente electrónicos surgiram num momento salutar e que vão engrandecer o saber cada vez maior dos quadros investigadores da província.

Ao agradecer o pensamento intelectual do Presidente da República, José Eduardo dos Santos, afirmou que a melhor forma de conhecer a realidade de qualquer identidade inter-cultural de um determinado povo é conectar os jovens a uma rede info-inclusiva, com vista a sua formação como homens novos capazes de adaptar-se aos desafios do futuro.

A mediateca móvel contempla áreas de pesquisas electrónicas, bibliotecas físicas, espaço de lazer e outros.

Estiveram presentes no acto membros do governo e de diversos sectores, autoridades tradicionais, políticos, jovens, estudantes de vários níveis de ensino.

Após a inauguração, o governador visitou igualmente as obras de construção da futura mediateca definitiva e que vai albergar mais de duzentos internautas.

Via Angop

Archivos

Ultimos Posts